Campo literário e (des)legitimação: o caso de Émile Du Tiers

Lucas Piter Alves Costa, André William Alves de Assis

Abstract


Este trabalho se insere na Análise do Discurso de linha francesa. Seu objetivo é apresentar uma concepção
de Literatura como ‘instituição discursiva’ e discutir a problemática de (des)legitimação no ‘campo literário’.
Esse campo se mostra como um lugar de poder em que diferentes enunciadores se colocam em concorrência por
um ‘posicionamento’ mais ou menos legitimado. Para exemplificar a tentativa de (auto)legitimação por parte
de um autor, recorremos a um trabalho de Maingueneau (2010), em que ele toma o percurso literário do poeta
francês Émile Du Tiers. Veremos que, apesar das tentativas do poeta de se alinhar aos produtores parisienses
de ‘centro’, ao fim de sua carreira, ele é ‘posicionado’ pela crítica como um escritor ‘regional’. Esses conceitos
serão aqui trabalhados a partir de Maingueneau (2006, 2010).


Parole chiave


Deslegitimação; Instituição discursiva; Émile du Tiers; Campo literário

Full Text

PDF

Refback

  • Non ci sono refbacks, per ora.